sexta-feira, 15 de abril de 2011


O caminho da Cruz


O consolo e a vida estão,
Só na Cruz;
E ao Céu é a única senda
Que conduz.

Está na Cruz o Senhor
De céus e terra,
E o gozar de muita paz
Em plena guerra.
Todos os males desterra
Do mundo, a Cruz.
E ao Céu é a única senda
Que conduz.

Da cruz é que diz a Esposa
A seu Querido,
Que é a palmeira preciosa
Aonde há subido;
Cujo fruto lhe há sabido
Ao seu Jesus.
E ao Céu é a única senda
Que conduz.

A santa Cruz é oliveira
Mui preciosa,
Seu óleo nos unge e inunda
De luz radiosa;
Ó minh'alma, pressurosa,
Abraça a cruz:
E ao Céu é a única senda
Que conduz.

É o madeiro verdejante
E desejado
Da Esposa, que à sua sombra
Se há sentado,
A gozar de seu Amado,
O Rei Jesus.
E ao Céu é a única senda
Que conduz.

A alma que a Deus totalmente
Está rendida,
Bem deveras deste mundo
Já desprendida,
Árvore de gozo e vida
É a santa Cruz,
E ao Céu é a única senda
Que conduz.

Desde que na Cruz foi posto
O Salvador,
Só na cruz se encontra glória,
Honra louvor;
Vida e consolo na dor
Dá-nos a cruz,
E ao Céu é a única senda
Que conduz.

Teresa de Jesus

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...