sexta-feira, 9 de agosto de 2013

Memória de santa Teresa Benedita da Cruz (Edith Stein)

Moisés Rocha, ocds
Fortaleza

Em pleno ano da fé renovamos nosso culto em louvor a Deus pela vida de nossa irmã Benedita como era chamada na clausura.Benedita ou Bendita é sua vida, testemunho de que ainda é possível em meio à agitação e ou em plena atividade intelectual encontramos a Deus. Você é bendita por que com determinada determinação adentrou ao Castelo Interior e soube de forma pedagógica iluminar o caminho para que outros, seus irmãos, a este também pudesse desfrutar.
Sua humanidade nos encanta, seu amor a Jesus, no gênero humano nos enternece de maneira que também nós almejamos sermos benditos, também nós queremos com a nossa vida sermos discípulos e missionários, assumirmos nossa missão de batizados que diferente de você, nos altos dos seus trinta anos abraçou a fé de forma livre e espontânea assumindo de forma radical seu ser cristão.
Seu batismo lhe fez bendita aos olhos de Deus, a quem você soube nutrir com amor filial seu sim batismal. Sim querida irmã sua missão não terminou com sua oferta como vítima de expiação naquele ano de 1942 o tempo que nos separa são como um dia que passou. Sentimos-te perto de nós, temos a você carinho, estima e admiração como uma verdadeira irmã mais velha que nos protege e nos guia para o cimo do monte.
Teu legado, percebemos nos teus escritos tantas e tantas páginas cheia de vida e verdade que arrebata nosso entendimento para descansamos no amor, que se doa até doer, amor que longe de confundir-se com prazer mui próximo estar da cruz sim és Benedita da Cruz, sua ciência é para nós partilhada em seu testamento espiritual “Ciência da Cruz”, quem ousaria ter por Cristo amor e verdadeira entrega se não assumir a Cruz e seguir após o amado de nossas almas. Verdadeira loucura e escândalo você nos propôs ver uma ciência na Cruz diferente de todas as outras nesta foi plantada a Vida, a Sabedoria.
Como todo bom filho és um belo modelo de sua e nossa Mãe, Santa Madre Teresa de Jesus numa justa homenagem quis para si este nome honroso e tornas-te Teresa Benedita da Cruz. Pedimos-te, nós, seus irmãos de vocação, suplique a Deus por nós, às portas de celebramos os 500 anos de nossa Santa Mãe. Queremos dar aos nossos dias testemunho de fé tão verdadeiro como foi o teu. Também nós queremos ser benditos aos olhos de Deus vivendo o evangelho em obséquio a Jesus. Que tua doutrina nos auxilie que teu testemunho nos encoraja que sua memória seja uma atualização de que é possível sermos contados como aqueles que foram alvejados com o sangue do cordeiro.

Bendita Benedita nós dos nossos claustros, conventos e casas elevamos nossos pedidos e hoje como família carmelita pedimos intercedei por nós.



Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...