terça-feira, 19 de agosto de 2014

XI Congresso Norte e Nordeste da OCDS, Província São José. Dia 17/ 08/ 2014, domingo (4º dia).



17 de Agosto de 2014 – Domingo

Dom Rosalvo, bispo auxiliar de Fortaleza
prestigiou o evento com sua presença. 
Às 07:00, tivemos nossa Santa Missa presidida por Dom Rosalvo, bispo auxiliar da Arquidiocese de Fortaleza e concelebrada por Frei André Severo, ocd.
A Santa Missa contou com a presença de membros da comunidade local, bem como da comunidade de religiosas que moram no convento anexo à Casa de Retiros. 
Foi uma Missa muito bonita e participada. Dom Rosalvo, sempre muito simpático e acolhedor, nos recordou o dia de orações pelas vocações dos religiosos e religiosas (3º domingo de agosto), enaltecendo o papel dos mesmos na vida da Igreja e na construção do Reino de Deus no mundo. 


Igreja lotada de fiéis e congressistas. Todos bem atentos à homilia
de Dom Rosalvo. 






Equipe de cânticos maravilhosa! Parabéns! 





***************




Após o café da manhã, tivemos a palestra: “A chuva de rosas de Santa Teresinha” (abordagem sobre o poder da intercessão, a misericórdia de Deus, as bênçãos, graças e milagres) – monja do Carmelo Santa Teresinha. 
Vieram nos prestigiar duas monjas do Carmelo Santa Teresina: Madre Bernadete da Mãe de Deus e a Irmã Maria da Paz dos Anjos, carinhosamente chamada por nós de "madre emérita", por ter sido, por muitos anos, a madre do Carmelo. 

Chegada das irmãs ao auditório, alegremente recepcionadas
pelas "carmeletes" e por todos os presentes.
Irmã Maria da Paz dirigindo a palavra aos presentes.
Palavras riquíssimas, comoventes e motivadoras, para quaisquer
um dos ramos do Carmelo Descalço: frades, monjas ou seculares.

O Espírito Santo de Deus pode transformar uma "mulher pequena" em uma "grande mulher", em uma verdadeira gigante na fé. 


Cheia da sabedoria de Deus e do Espírito Santo, Irmã Maria da Paz nos deu um belo testemunho do poder de intercessão de Santa Teresinha, ela que conhece muitos exemplos e nos deu uma verdadeira aula sobre a vocação ao Carmelo, palavras que serviam tanto para frades, monjas ou seculares. 
Irmã Maria da Paz, falando não apenas na teoria, mas, principalmente, por sua vivência, reforçou que o caminho do carmelita exige vocação, determinação e "esforços". Que é um caminho de flores, porém, com espinhos, para provar nosso amor e fidelidade por Deus. 

Após essa palestra, nosso estimado presidente provincial, Luciano Dídimo, dirigiu a palavra à assembléia encerrando o XI Congresso Norte e Nordeste da OCDS. 

O próximo, por 2015 ser o Ano Teresiano (500 anos de nascimento de Santa Teresa de Jesus), foi marcado para 2016, em Ibiapina, Ceará. 

Deus seja louvado por tudo: por tudo que foi falado, partilhado e vivido. Pela dedicação da comissão organizadora, pelos palestrantes, pelas irmãs cordimarianas que nos acolheram e por cada um dos irmãos e irmãs da OCDS que compareceram ao Congresso. Que a Virgem Maria derrame abundantes graças e frutos em cada coração e na vida de todos! Amém! Amém! 

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...