quarta-feira, 3 de junho de 2015

A ORAÇÃO É UM ENCONTRO COM DEUS

NO MÊS DE MAIO O GRUPO SÃO JOSE RECEBEU COM MUITA ALEGRIA A VISITA DO NOSSO DELEGADO PROVINCIAL FREI PIERINO QUE NOS PRESENTEOU FALANDO-NOS SOBRE O TEMA ORAÇÃO. COMPARTILHO COM VOCÊS  ALGUNS PONTOS DA FORMAÇÃO:
v  A ORAÇÃO É UM ENCONTRO COM DEUS. O DIALOGO SE EXPRESSA DE VÁRIOS MODOS E DE VÁRIAS MANEIRAS, OU COM PALAVRAS, OU COM O CANTO, OU COM O SILÊNCIO, OU COM ATITUDES, MAS O IMPORTANTE ESTÁ A ORAR NO ENCONTRO.
v  SE NOSSA ORAÇÃO ESTÁ EM CRISE, A NOSSA VIDA ESPIRITUAL ENTRA EM DECADÊNCIA, NÃO SOMENTE A VIDA PESSOAL, A VIDA FAMILIAR, A VIDA DE COMUNIDADE, OU SEJA, TUDO VAI CAINDO.
v  O CAMINHO DA ORAÇÃO CARMELITA ESTÁ BEM CLARO NO LIVRO ADMISSÃO- FORMAÇÃO DA OCDS.
v  O DOCUMENTO NOVO MILLENIO INEUNTE, DO SANTO PADRE JOÃO PAULO II, É UM DOCUMENTO PASTORAL, MAS QUE REFLETE MUITO SOBRE OS ELEMENTOS ESSENCIAIS DA VIDA ESPIRITUAL.  COMO A SANTIDADE QUE É META DE TODO CRISTÃO E OS MEIOS PARA CONSEGUIR-LA: ORAÇÃO, EUCARISTIA, OS SACRAMENTOS DA RECONCIALIAÇÃO E DO PERDÃO, A ESPIRITUALIDADE DE COMUNHÃO.
v  O LIVRO QUE NOS ORIENTA PARA A SANTIDADE DE SANTA MADRE TERESA É O CAMINHO DA PERFEIÇÃO QUE PODERÍAMOS CHAMAR TAMBÉM DE CAMINHO DA SANTIDADE.
v  NESTE CAMINHO DA PERFEIÇÃO A SANTA MADRE NOS ENSINA COMO DEVEMOS ESTÁ UNIDOS A DEUS. É UM LIVRO SOBRE ORAÇÃO, MAS QUE INSISTE TAMBÉM SOBRE AS VIRTUDES NECESSÁRIAS PARA QUE POSSAMOS INSTAURAR UM ENCONTRO COM DEUS. VIRTUDES COMO: HUMILDADE, DESAPEGO, AMOR FRATERNO, A DETERMINAÇÃO EM SEGUIR O CAMINHO DE JESUS, A RETA INTENÇÃO, ISTO É TER BONS PROPÓSITOS E BONS DESEJOS.QUEM NOS TORNA SANTO É O PRÓPRIO DEUS, ELE É SANTO. MAS DEUS NÃO FAZ NADA EM NOSSA VIDA SEM QUE NOS QUEIRAMOS. DEUS NOS TORNA SANTO QUANDO NOS QUEREMOS E EMPREENDEMOS O CAMINHO DA SANTIDADE. O ELEMENTO ESSENCIAL PARA ESTE CAMINHO É A ORAÇÃO.
v  JOÃO PAULO II FALA DE ARTE DE ORAÇÃO, NECESSITA-SE UM CRISTIANISMO QUE SE DESTAQUE PRINCIPALMENTE PELA ARTE DA ORAÇÃO.  ARTE É ALGO QUE SE APRENDE, É UM DOM DE DEUS, PORQUE NO FUNDO É A EXPERIENCIA DE FÉ, DE CONFIANÇA, DE ESPERANÇA E DE AMOR. A ORAÇÃO É DOM DE DEUS.
v  É NECESSÁRIO APRENDER A REZAR, VOLTAR SEMPRE DE NOVO A CONHECER ESTA ARTE DOS PRÓPRIOS LÁBIOS DE JESUS. COMO OS PRIMEIROS DISCÍPULOS FIZERAM “SENHOR ENSINAR-NOS A ORAR”. TEMOS QUE PEDI CONSTANTEMENTE A JESUS, O DIVINO MESTRE, QUE NOS ENSINE A ORAR. E QUEM ENSINA REALMENTE A ORAR É O ESPÍRITO SANTO QUE ESTÁ EM NÓS. O ESPÍRITO SANTO NOS DÁ PALAVRAS CERTAS E INFUNDE NO NOSSO CORAÇÃO SENTIMENTOS CERTOS PARA QUE NOS POSSAMOS INSTAURAR ESTE DIÁLOGO COM JESUS, QUE FEZ DE NÓS SEUS AMIGOS ÍNTIMOS. DEUS NOS CHAMA E NOS FAZ AMIGOS, AMIGOS DE DEUS.
v  PERMANECEI EM MIM E EU PERMANECEREI EM VÓS... É NESTE ENCONTRO QUE CONSISTE  A VIDA DE  ORAÇÃO. A VIDA DE ORAÇÃO É DEUS PERMANECENDO EM NÓS PELO SEU AMOR E NÓS PERMANECENDO NELE TAMBÉM ATRAVÉS DO AMOR. QUANDO NOS VIVEMOS O AMOR DE DEUS, NOS ESTAMOS COM ELE. QUANTO MAIS AMAMOS MAIS PERMANECEMOS. FICAR É ESTÁ POR ALGUM TEMPO, PERMANECER É ESTÁ COM ELE PARA SEMPRE. NOSSA ORAÇÃO É UM DIALOGO COM AQUELE QUE PERMANECE EM NÓS, DEUS. NESSA PERMANÊNCIA RECIPROCA ESTÁ A VERDADEIRA ORAÇÃO.
v  SANTA MADRE TERESA DÁ MUITA IMPORTÂNCIA AOS MOMENTOS DE ORAÇÃO, QUE DEVEM SER MOMENTOS PROFUNDOS E EXCLUSIVOS DE DIÁLOGO COM DEUS. MAS IMPORTÂNCIA MAIOR ELA DÁ A VIDA DE ORAÇÃO. A NOSSA VIDA DEVE TORNAR ORAÇÃO.  ISTO É NA NOSSA VIDA CONCRETA NOS TEMOS QUE ENCONTRARMOS COM DEUS E NA NOSSA VIDA CONCRETA DEUS SE ENCONTRA CONOSCO QUANDO TEMOS CLARO EM NOSSA MENTE O CONCEITO DE VIVER A PRESENÇA DE DEUS.
v  ELIAS DIZIA “VIVE O SENHOR EM CUJA PRESENÇA ESTOU”. SANTA TERESA TEM UMA EXPRESSÃO SEMELHANTE, ELA FALA “ESTÁ TODO MOMENTO COM DEUS”. MAS DEPOIS ELA VIU QUE ERA QUASE IMPOSSÍVEL ESTÁ TODO MOMENTO COM DEUS, SOMOS DISTRAÍDOS NA VIDA POR TANTAS COISAS, ENTÃO ELA MUDOU UM POUCO A EXPRESSÃO “QUERER ESTÁ COM DEUS”, PORQUE AO QUERER JÁ ESTAMOS AMANDO. A VERDADEIRA ORAÇÃO DEFINE ENCONTRO COM DEUS. SE NÃO TIVER ENCONTRO NÃO TEM ORAÇÃO. SE NÃO NOS ENCONTRARMOS NUM ENCONTRO DE FÉ, DE ESPERANÇA E DE AMOR, NÓS NÃO ENCONTRAMOS COM DEUS. NÓS PODEMOS FALAR MUITAS COISAS, MAS NÃO SEREMOS PESSOAS ORANTES. E ESTA ORAÇÃO NÃO TRANSFORMA NOSSA VIDA.
v  A ORAÇÃO VERDADEIRA TRANSFORMA NOSSA VIDA. ANTES OU DEPOIS NÓS VAMOS MUDANDO. PORQUE É IMPOSSÍVEL ENCONTRARMOS COM DEUS NA VERDADE DAQUILO QUE ELE É E DAQUILO QUE NÓS SOMOS, SEM MUDAR, ISTO É SEM NOS ASSEMELHARMOS UM POUCO MAIS A JESUS.
v  A ORAÇÃO DE SÚPLICA É NECESSÁRIA, JESUS MESMO NOS MANDA PEDI... PEDI, E VOS SERÁ CONCEDIDO; BUSCAI E ENCONTRAREIS; BATEI E A PORTA SERÁ ABERTA PARA VÓS. Lc 11,9.
v  MAS NOSSA ORAÇÃO NÃO PODE SER SÓ DE PEDIDO, MAS DE ADORAÇÃO, DE LOUVOR, DE AGRADECIMENTO E SOBRETUDO A NOSSA ORAÇÃO É UM DIÁLOGO COM O PRÓPRIO DEUS QUE ESTÁ SEMPRE EM NÓS.
v  DEUS ESTÁ SEMPRE PRESENTE EM NÓS, PORQUE NOS AMA SEMPRE. ESTÁ PRESENTE MESMO QUANDO NÓS NÃO ESTAMOS PRESENTES NELE. NÓS NOS AFASTAMOS, MAS DEUS NÃO SE AFASTA DE NÓS.
v  PERMANECER É MUITO MAIS DO QUE FICAR SUPERFICIALMENTE UM MOMENTO, É ESTABELECER UM ENCONTRO FEITO DE CONHECIMENTO MÚTUO. DEUS NOS CONHECE E NÓS QUEREMOS CONHECER-LO. CONHECER NESTE CASO QUER DIZER FAZER UMA EXPERIÊNCIA DO SEU AMOR, ESSA É A ORAÇÃO. ESSA RECIPROCIDADE CONSTITUI PRECISAMENTE A SUBSTÂNCIA A ALMA DA VIDA CRISTÃ E A CONDIÇÃO DE TODA VIDA PASTORAL AUTÊNTICA. SEM A PRESENÇA DE DEUS NÓS SOMOS COMO GALHOS SEPARADOS DA VIDEIRA.
É NECESSÁRIO PERMANECER UNIDOS A JESUS, SUGANDO A MESMA SEIVA, ISTO É A GRAÇA DE DEUS É QUE NOS SUSTENTA. SEPARADOS NÃO PODEMOS FAZER NADA.
SANTO AGOSTINHO DIZIA “OU NÓS SOMOS VIDEIRA OU NÓS SOMOS FOGO”.
v  D. PEDRO CASALDÁLIGA NOS DIZ QUE NÃO HÁ EVANGELIZAÇÃO FECUNDA SEM TEMPOS FORTES DE ORAÇÃO. ”TUDO É ORAÇÃO, A LUTA TAMBÉM É ORAÇÃO”. NÃO, A LUTA NÃO É. ORAÇÃO. NEM MESMO A LUTA PELA LIBERTAÇÃO. A LUTA É A LUTA E A ORAÇÃO É ORAÇÃO. É EVIDENTE QUE MUITOS IRMÃOS NA LUTA, NA AÇÃO, NO COMPROMISSO COM OS IRMÃOS, TAMBÉM ESTÃO REZANDO. ABERTOS EXPLICITAMENTE A DEUS, ÁS VEZES FORMULANDO UMA ORAÇÃO EXPLICITA – TUDO ISTO É ORAÇÃO. O QUE QUERO DIZER É QUE NÃO CAIAMOS NO SIMPLISMO CÔMODO DE DIZER QUE TUDO É ORAÇÃO, ARA JUSTIFICAR O FATO DE NÃO FAZERMOS ORAÇÃO EXPLICITAMENTE. A ORAÇÃO EXIGE TAMBÉM SUA HORA, SEU TEMPO, SEU LUGAR.
v  UMA CITAÇÃO DE SÃO JOÃO PAULO II QUE PARECE SER UMA RESSONÂNCIA DO QUE SÃO JOÃO DA CRUZ FALA SOBRE A IMPORTÂNCIA DO AMOR EM NOSSA VIDA.
NUM DISCURSO AOS SUPERIORES GERAIS, JOÃO PAULO II FALA “QUE UMA PAUSA DE VERDADEIRA ADORAÇÃO TEM MAIOR VALOR E FRUTO ESPIRITUAL DO QUE A MAIS INTENSA ATIVIDADE, MESMO QUE SEJA ATIVIDADE APOSTÓLICA. AS VOSSAS CASAS DEVEM SER, SOBRETUDO CENTROS DE ORAÇÃO, DE RECOLHIMENTO, DE DIÁLOGO — PESSOAL E COMUNITÁRIO — COM AQUELE QUE É E DEVE CONTINUAR A SER O PRIMEIRO E PRINCIPAL INTERLOCUTOR NA SEQUÊNCIA OPEROSA DOS VOSSOS DIAS”, ISSO VALE PARA TODOS NÓS.
A CITAÇÃO DE SÃO JOÃO DA CRUZ FALA “É MAIS PRECIOSO DIANTE DE DEUS E DA ALMA UM POUQUINHO DE PURO AMOR, E DE MAIOR PROVEITO A IGREJA, EMBORA PAREÇA NADA FAZER A ALMA, DO QUE TODAS AS DEMAIS OBRAS JUNTAS.”.
v  QUEREMOS FAZER TANTAS COISAS E NÃO TRANSMITIMOS AQUILO QUE NOS DEVEMOS TRANSMITIR COMO DISCÍPULOS DE JESUS. NÓS NOS TORNAMOS PROTOGONISTAS DE NÓS MESMOS. NÃO ANUNCIANDO O PRÓPRIO DEUS COM O QUAL NOS DEVEMOS TER UMA PROFUNDA CONVIVÊNCIA E CONHECIMENTO SOBRETUDO ATRAVÉS DA ORAÇÃO, ACABAMOS EM ANUNCIAR A NÓS MESMOS.
JESUS DISSE A OBRA MAIS IMPORTANTE É QUE VOS ACREDITEIS. ESSA É A OBRA, UMA FÉ QUE QUE SE TRADUZ E EM OBRA DE CARIDADE E DE AMOR. PARA TERMOS OLHARES ATENTOS E PERCEBERMOS A SUA PRESENÇA É NECESSÁRIO QUE NOS NO NOSSO DIA A DIA ENCONTREMOS UM TEMPO TENSO E INTENSO COM DEUS.
v  O PAPA JOÃO PAULO II FALA SE TODOS SOUBEREM ALIMENTAR ESTE CLIMA DE INTENSA E AMOROSA COMUNHÃO COM DEUS, CERTAMENTE LEVARÃO PARA FRENTE O TRABALHO DE RENOVAÇÃO QUE O CONCILIO II PRESCREVIA MESMO ORANDO.
v  SANTA TERESINHA FALA QUE A ORAÇÃO É UM DESABAFO DO CORAÇÃO. UM SIMPLES OLHAR PARA O CÉU. UM GRITO DE RECONHECIMENTO DE AMOR TANTO NO MEIO DA DOR, DAS TRIBULAÇÕES, COMO NOS MOMENTOS DE ALEGRIA.
v  SANTA TERESA NOS REVELA UMA DESCRIÇÃO MAIS BELA E SIMPLES DA ORAÇÃO, “A ORAÇÃO É UM TRATAR DE AMIZADE, ESTANDO, MUITAS VEZES, A SÓS, COM QUEM SABEMOS QUE NOS AMA”. ESTE TRATAR DE AMIZADE INTIMAMENTE SUPÕE E CRIA AO MESMO TEMPO AMIZADE, DIÁLOGO, ENCONTRO CONFIDENCIAL COM DEUS. ISTO É CRIAR PRESENÇA, DEUS ESTÁ PRESENTE E NÓS NOS TORNAMOS PRESENTES.
v  É O AMOR QUE CRIA PRESENÇA. DEUS ESTÁ PRESENTE EM NÓS PORQUE NOS AMA. E A ORAÇÃO É UM ENCONTRO DE PESSOAS, DEUS E O SER HUMANO. ISTO É UM CONCEITO ESSENCIAL, UM ENCONTRO DE PESSOAS, DEUS SE ENCONTRA COMIGO E EU QUERO ENCONTRAR COM ELE MUITAS VEZES, CONTINUIDADE NO TRATO. PORQUE QUEM AMA PROCURA AQUELE QUE AMA FREQUENTEMENTE.
v  A ORAÇÃO TERESIANA EXIGE SILÊNCIO, RECOLHIMENTO, SOLIDÃO, EXCLUSIVIDADE. NAQUELE MOMENTO NÃO TEM QUE FAZER MAIS NADA, A NÃO SER ENCONTRAR COM O PRÓPRIO DEUS.
v  A ORAÇÃO É RESPOSTA DE AMOR QUE SE FUNDA NA FÉ E NA CONFIANÇA. É UMA RESPOSTA DE AMOR AO AMOR, QUE É O PRÓPRIO DEUS. ASSIM COMO O AMOR A ORAÇÃO ESTA AO ALCANCE DE TODOS. SANTA TERESA DIZIA NEM TODOS TEM FACILIDADE PARA PENSAR, TODOS A TEM PARA AMAR.
v  A ORAÇÃO COMO AMIZADE E COMO AMOR EXIGE E RELATIVIZA CONTEMPORANEAMENTE OS TEMPOS DE ORAÇÃO. DE UM LADO OS EXIGE, PORQUE QUEM AMA PROCURA SE ENCONTRAR. MAS DE OUTRO LADO RELATIVIZA PORQUE QUEM AMA E AMA EM QUALQUER LUGAR.
v  NA EXPRESSÃO DE SANTA TERESA “O VERDADEIRO AMANTE EM TODA A PARTE AMA E SEMPRE SE LEMBRA DO AMADO. TRISTE COISA SERIA QUE SÓ PELOS CANTOS DO MOSTEIRO SE PUDESSE FAZER ORAÇÃO.” ONDE HÁ AMOR, HÁ ENCONTRO DE AMIZADE. POR ISSO, CRESCIMENTO. “EM TODA PARTE”, NÃO SÓ “PELOS CANTOS”.
v  REFLETINDO SOBRE A DEFINIÇÃO TERESIANA DE ORAÇÃO COMO ENCONTRO PESSOAL DE AMIGOS, É UM ENCONTRO PESSOAL DE PESSOAS, DE AMIZADE COM DEUS. É CLARO QUE É UMA AMIZADE TEOLOGAL QUE TRANSCENDE A AMIZADE HUMANA. NEM SEMPRE SACIA E AQUETA A NOSSA PSICOLOGIA, É UMA AMIZADE DIFERENTE, TRANSCENDENTE. É POR ISSO QUE NÃO POSSO REZAR SÓ QUANDO ME SINTO BEM. É PRECISO FORÇA DE VONTADE. EXIGE DETERMINADA DETERMINAÇÃO. SANTA TERESINHA DIZIA: O AMOR SE ALIMENTA DE SACRIFÍCIO.
v    JESUS NOS AMOU ATÉ O FIM.  MAS A EXPRESSÃO MÁXIMA DO SEU AMOR FOI NA     CRUZ. A CRUZ É O SACRIFÍCIO ACEITO TOTALMENTE PELO PAI, QUE DEPOIS SE MANIFESTA NA RESSURREIÇÃO (MISTÉRIO PASCAL DE CRUZ E RESSURREIÇÃO). NINGUÉM TEM MAIOR AMOR DO QUE AQUELE QUE A VIDA PELOS SEUS AMIGOS.
A FORÇA DA DEFINIÇÃO TERESIANA CONSISTE EM QUE DEUS E O HOMEM AQUI E AGORA SE ENCONTREM, TRATEM-SE, COMUNIQUEM-SE, FAÇAM AMIZADE.
v  MUITAS PESSOAS PRATICANTES DE ORAÇÃO NÃO CHEGAM A SER PESSOAS ORANTES A ORAÇÃO FICA DA BOCA PARA FORA. SANTA TERESA DIZIA: “NÃO CHAMO ORAÇÃO MEXER COM OS LÁBIOS SEM PENSAR   NO QUE QUE DIZEMOS, NEM NO QUE PEDIMOS NEM QUEM SOMOS NÓS, NEM QUEM É AQUELE AO QUAL NOS DIRIGIMOS”.
v  A SANTA MADRE TEM UM CONCEITO MUITO SIMPLES DE ORAÇÃO. PENSAR É ENTENDER O QUE FALAMOS COM QUEM FALAMOS E QUEM SOMOS NÓS. ESTÁ PRESENTE AO AMIGO SUPÕE CONHECIMENTO E AMOR. UMA EXPRESSÃO PRÓPRIA DELA “OLHAR PARA QUEM NOS OLHA”. É UM OLHAR INTERIOR PARA QUEM NOS OLHA E DEUS NOS OLHA SEMPRE NO AMOR. E TUDO ISSO POR DENTRO DONDE SE REALIZA TODO ENCONTRO PESSOAL. ALI ONDE O HOMEM É MAIS ELE MESMO.
v  É O AMOR QUE CRIA O ENCONTRO, NÃO NOS ESQUEÇAMOS DISSO, DEUS ESTÁ PRESENTE EM NÓS PORQUE NOS AMA, É O AMOR QUE CRIA O ENCONTRO.  O AMOR QUE É A VERDADEIRA ORAÇÃO.
v  MAS TARDE TERESA DIRÁ “QUERER ESTÁ COM ELE, ACENTUANDO A FORÇA DA VONTADE, QUE APESAR DE TUDO QUER ORAR”.
v  AS DISTRAÇÕES E A ARIDEZ FAZEM PARTE TAMBÉM DE NOSSA ORAÇÃO. DEUS OLHA PARA OS NOSSOS BONS DESEJOS, PARA NOSSA RETA INTENÇÃO.
v  NOS MANDAMENTOS DA ORAÇÃO, UM DELES NOS DIZ: “E AS DISTRAÇÕES INVOLUNTÁRIAS? NÃO SE PREOCUPE: DEUS E O SOL BRONZEIAM SÓ PELO SIMPLES FATO DE ESTAR À SUA FRENTE”.
v  IGNÁCIO LARRAÑAGA DIZIA: “A ORAÇÃO TEM QUE SE APROFUNDAR, TEM QUE MERGULHAR FUNDO, ENQUANTO A GENTE NÃO EXPERIMENTA A PRESENÇA DE DEUS E O AMOR DE DEUS NÓS ESTAMOS NADANDO NA SUPERFÍCIE”.
A ORAÇÃO TEM QUE SE APROFUNDAR PORQUE A ORAÇÃO É COMO A SANTIDADE E O AMOR. O AMOR VAI SE APROFUNDANDO SEMPRE MAIS E TAMBÉM A SANTIDADE VAI CRESCENDO SEMPRE MAIS. TUDO ISSO COM A GRAÇA DE DEUS, NUNCA PENSAR QUE É OBRA NOSSA. É DEUS QUE VAI AGINDO EM NÓS, NA MEDIDA EM QUE NOS DEIXAMOS AMAR POR ELE.
v  SANTA TERESA É A SÍNTESE PERFEITA DE “MARIA E MARTA”. A DOUTRINA DELA É ESSA, TEM QUE ANDAR PERFEITAMENTE DE ACORDO COM MARIA E MARTA DO EVANGELHO.A ORAÇÃO É PARA AS OBRAS, PARA O AMOR FRATERNO. PARA QUE NOS AMEMOS MAIS.
AO FINAL FREI PIERINO LEU-NOS UM POEMA: FLOR DE PAZ- TERESA RENASCE ENTRE AS CHAMAS. UMA SÚPLICA DE FILHO PARA MÃE. POEMA ESSE EM FORMA DE ORAÇÃO QUE FALA SOBRE SANTA TERESA EMINENTEMENTE HUMANA E TODA DE DEUS.
APÓS ESSA PARTILHA PROPORCIONADA POR DEUS EM NOSSAS VIDAS, FICA AQUI TODA NOSSA GRATIDÃO EM NOME DO GRUPO SÃO JOSE AO NOSSO IRMÃO FREI PIERINO.




















Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...