segunda-feira, 6 de junho de 2016

RETIRO DE ESPIRITUALIDADE CARMELITANA – OCDS

OraçãoTeresiana: A Misericórdia de Deus
Lema: “Com a Igreja e com Teresa, cantemos as misericórdias do Senhor!”.

Ó Santa Madre Teresa,
Iluminai- nos com sua força e perseverança
Com seu amor incondicional
Para descobrirmos o caminho sagrado
Que nos leva ao Divino Amigo.
Aquele com quem queremos estar,
Pois, sabemos que nos ama.
Amém!

A caminho da Solenidade da Santíssima Trindade, no dia 20 de maio de 2016, iniciamos o retiro de Espiritualidade Carmelitana da OCDS, trabalhando a Oração Teresiana com o Tema: A Misericórdia de Deus e com o Lema: “Com a Igreja e com Teresa, cantemos as misericórdias do Senhor!”
Nosso Assessor foi o Frei Afonso de Santa Teresinha – OCD, o qual nos exortou na Missa de abertura, quanto à epístola de São Tiago que primeiro questiona as obras da Fé levando- nos,hoje, atermos forte referência eclesial quanto a mesma, pois, é escolha do cristão.
Devemos ser crianças como no evangelho e quem é a grande criança do Pai: é o Cristo. Sejamos como Jesus... manso e humilde de coração... mas sejamos também como o Jesus que na hora certa entrou no templo e expulsou os vendilhões. Somos convidados a atentar para o intimismo religioso e a maturidade cristã. E diante da oração pessoal saibamos nos colocar como “criança” diante do Pai.

Com a santa missa somos sacrários ambulantes, pois, alimentados pela sagrada eucaristia, o Senhorestá presente verdadeiramente em nós... Como diz Santa Teresa nossa fundadora, temos Deus em nós, um amigo seguro.O Senhor não nos decepciona jamais, Ele é O fiel.... e no livro do Êxodo 34, 5-7...  O Senhor misericordioso clemente, paciente, rico em misericórdia e fiel... que conserva a misericórdia por mil gerações, uma forma de dizer: para sempre. É com esta clave da misericórdia como proposta, OraçãoTeresiana: A Misericórdia de Deus, serve como clave na pauta da música,  nós temos que olhar a Deus e depois a nossa vida e no retiro isso deve aparecer com uma força muito maior. Duas coisasnão estão a negócio nesse retiro: o livro da palavra de Deus e o livro da própria vida. A palavra de Deus foi vida, foi história – a Bíblia, história da fidelidade irrevogável de Deus, e das infidelidades do povo; onde a Misericórdia de Deus prevalece sempre.
A Palavra de Deus e a própria vida são as pernas... as asas....os pulmões.... Jamais a palavra de Deus sem a vida, e, jamais a  vida sem ser iluminada pela palavra de Deus.
“A Palavra é luz para iluminar os meus passos...”
O Senhor me encontra onde estou... a minha história como história revelada e a palavra de Deus nos sacode, nos tira de nossa zona de conforto.
Primeira atitude para reconhecer a misericórdia de Deus... é olhar para a própria vida...reconhecer na própria vida...na própria história a intervenção de Deus que nos eleva ... nunca nos condena.

Primeiro passo .... a bíblia na vida... a vida na Bíblia.

Louvai o Senhor porque eterno é o seu amor - trecho do Salmo 136 ilustrou a continuação da reflexão da manhã...rezando juntos a grande ladainha do amor de Deus. Há traduções da sagrada escritura... nas quais encontramos a resposta como “Eterna é a sua misericórdia”. E em toda a Bíblia vamos encontrar vários trechos nos quais encontramos a misericórdia na história do povo de Deus.
Jesus é o Amor Misericordioso revelado nas palavras, obras e atitudes. Sou fruto da Misericórdia? Como Terezinha aprende a ser Misericordiosa? Com Jesus.

Vigília da Santíssima Trindade – Em oração com os salmos próprios, a oração da Beata Elisabete da Trindade, louvamos, adoramos e agradecemos ao Senhor exortados pelo Frei Afonso de Santa Teresinha – OCD, no estilo bem carmelitano, em silêncio lembrando que a oração cristã, é sobretudo OUVIR O SENHOR! “(...) Oh! Meu “Três”, meu tudo, minha beatitude, Solidão infinita, Imensidade onde me perco, entrego- me a Vós como uma presa, sepultai- Vos em mim, para que eu me sepulte em Vós, enquanto espero ir contemplar em vossa luz o abismo de vossas grandezas.”

No domingo, Solenidade da Santíssima Trindade, partilhamos a experiência vivida no Retiro, à luz do Senhor! Com os olhos fixos N’Ele, caminhamos com Santa Teresa para viver plenamente a Misericórdia, conhecer  o que o Senhor nos apresenta na Sagrada Escritura, em silêncio carmelitano, para ouvir o que “em nossa oração ... não vale tanto, pensarmos muito, mas ... amarmos muito, é o principal ... o amor é o sim total”. Cantamos algumas das poesias dos nossos santos para orar com eles e ver de perto o que a Oração Teresiana nos apresenta, preenche e instrui.
Louvado seja Nosso Senhor!

Comissão de Intercessão OCDS

Liz Lelis Rocha 










Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...