domingo, 15 de agosto de 2010

Em Maria, as raízes da vitória sobre a morte estão na fé

Bento XVI presidiu na manhã deste domingo à Missa da Solenidade da Assunção de Nossa Senhora, na paróquia de Santo Tomás de Villanova, em Castel Gandolfo.
O Papa afirmou em sua homilia que hoje a Igreja celebra uma das mais importantes festas do ano litúrgico dedicadas a Maria Santíssima.

"No final de sua vida, Maria foi levada em corpo e alma ao céu, ou seja, à gloria da vida eterna, na plena e perfeita comunhão com Deus", disse.

Bento XVI lembrou que este ano a Igreja celebra o 60° aniversário da definição solene do Dogma da Assunção de Nossa Senhora em Corpo e Alma ao Céu (Constituição Apostólica Munificentissimus Deus, 1° de novembro de 1950).

A Mãe de Deus foi inserida no Mistério de Cristo e participa da Ressurreição de seu Filho. "Nós cremos que Maria, como Cristo seu Filho, venceu a morte e triunfa na glória celeste na totalidade de seu ser, em alma e corpo", disse o Papa.

Em Maria, as raízes da vitória sobre a morte “estão na fé da Virgem de Nazaré, uma fé que é obediência à Palavra de Deus e abandono total à iniciativa e à ação divina”.


O Santo Padre lembrou que nós somos chamados a olhar o que o Senhor, em seu amor, quis também para nós, para o nosso destino final: "viver através da fé na comunhão perfeita de amor com Ele e assim viver realmente para sempre".

O Papa concluiu sua homilia pedindo ao Senhor que nos ajude a compreender o quanto a nossa vida é preciosa aos olhos de Deus.

Que Ele "reforce a nossa fé na vida eterna, nos torne homens de esperança, que trabalham para construir um mundo aberto a Deus, homens repletos de alegria, que sabem ver a beleza do mundo futuro no meio das dificuldades da vida cotidiana".

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...