quarta-feira, 10 de agosto de 2016

V Congresso Ibérico dos Carmelitas Descalços Seculares

Modelando o coração e vida na escola do Carmelo: identidade, formação e discernimento vocacional


A Universidade de Mística, em Ávila, sediou o V Congresso Ibérico de Carmelitas Descalços Seculares nos dias 29 de julho a 01 de agosto de 2016, tendo como tema a identidade e missão do Carmelita Secular.

Os três ramos dos Carmelitas Descalços: frades, freiras e leigos carmelitas foram representados por cerca de 150 participantes de Roma, Espanha e Portugal. Quatro dias de reflexão e aprofundamento centrou-se principalmente em três temas de vital importância para o Secular hoje: sua identidade, formação e discernimento vocacional. É importante notar que atualmente os Carmelitas Descalços Seculares (OCDS) excedem o número de 25.500 em todo o mundo e que  se espera que o V Congresso tenha um impacto positivo em suas comunidades.

A cerimônia de abertura do Congresso realizado na sexta-feira, 29 de julho de foi conduzido por  Pe Rafael Martin, Presidente do Conselho Nacional OCDS, com intervenções de frei Antonio Viguri, Delegado OCDS da Província de Navarra e Pe Anjo Briñas, Delegado OCDS Província Ibérica, bem como testemunhos de membros das OCDS. 

Nos sábado 30 de julho foram realizadas três conferências a primeira sobre "A identidade do Carmelita Descalço Secular no século XXI", que esteve a cargo de frei Alzinir Francisco Debastiani, Delegado Geral para a Ordem dos Carmelitas Descalços Seculares. Este enfatizou a participação dos fiéis leigos no tríplice múnus de Cristo como Sacerdote, Profeta e Rei, cuja raiz é a unção do Batismo, seu desenvolvimento na Confirmação e cumprimento e sustentação na Eucaristia. Ele também enfatizou o aspecto da comunhão que compartilham com os religiosos do mesmo carisma através de uma vida de oração no meio do mundo e, finalmente, mencionou o elemento comunidade e a vocação dos leigos à santidade.

Na segunda palestra: “Fogo na forja da identidade: A formação no Carmelo Descalço Secular”, Daniela Biló (OCDS), salientou que, embora o processo de formação tenha um momento fundamental na fase inicial, não devemos esquecer que a formação é tão rica e fértil como é a formação comunitária permanente. A formação centra-se na formação da pessoa de modo integral. Assim, o estado de formação contínua dos seus membros está acima, capacita a pessoa na gestação e maturação de sua identidade vocacional nos Carmelitas Descalços, ajudando a desenvolver no Secular uma maturidade humana, cristã e espiritual para o serviço na Igreja.

Na terceira conferência sobre "Discernimento Vocacional" Myrna Torbay (OCDS), apresentou um estudo exaustivo sobre os seis elementos que definem o perfil do Carmelita Secular. Em seguida, se referiu à vocação ao Carmelo Teresiano como uma chamada focada no relacionamento interpessoal "entre nós e Deus; onde o essencial é o amor. Portanto, a vocação Secular é  o amor”. No ponto central de sua apresentação, discutiu os elementos de discernimento vocacional enfatizando seu valor dinâmico e que não se esgota com o discernimento inicial. Myrna comentou: “discernir a vocação consiste em aprofundar constantemente o marco de convicções que levam a viver a vida no amor com honestidade e na verdade... explorando profundamente todas as motivações e movimentos interiores e identificar tudo aquilo que impede viver o universo relacional com maturidade e plenitude. No fechamento, ofereceu algumas orientações básicas para ajudar o Secular em seu discernimento vocacional e em sua configuração com Cristo.

No domingo, 31 de julho de Fr. Javier Sancho Fermín, encerrou o ciclo palestras, com o tema “A Ordem Secular como fraternidade mística contemplativa no mundo". P.Sancho Fermín,fez referência a Exortação  Apostólica Evangelii Gaudium do papa Francisco, afirmou  que a comunidade é um dom porque ela tem sua origem em uma chamada, em uma eleição, em um encontro pessoal com Deus.É Cristo, que constitui a Comunidade através de uma chamada. Assim seus colaboradores têm como um valor fundamental, que Cristo é o centro e que, em Cristo, emerge a dimensão e a realidade comunitária. Pe Sancho  acrescentou  que é característica própria da comunidade carmelita secular abrir o coração ao amor divino para buscar a felicidade dos outros. O caráter testemunhal foi outro aspecto que destacou o P. Javier esclareceu que não falou do apostolado da comunidade, mas que a Comunidade é o principal apostolado. Finalmente, ele destacou a tomada de consciência de que Deus deseja e necessita da participação do homem em sua tarefa e da grande responsabilidade que implica, assim como sua urgência dentro da realidade social que nos rodeia...  “Estou convencido de que o trabalho do Carmelo é fundamental e urgente no mundo e na sociedade de hoje. Precisamente para revitalizar o que nos constitui e que é fundamental para a nossa vida de fé: abrir o coração para o amor divino”

Dando sequência três Seculares apresentaram seus trabalhos sobre a Missão de Carmelita Descalço Secular, orientada da seguinte forma:  eclesial (Calvo Nieves), pessoal (José Manuel Adriano) e comunitária (Evaristo Arroyo Fuentes).

A mesa redonda encerrou as reflexões do dia, particparam: irmã Alexandra Triana OCD de Sanlucar la Mayor, Fr. Tomás Pedro Navajas OCD de Burgos e  Macu  Hernandez OCDS de Salamanca.

Na segunda-feira, 1º de agosto duas breves apresentações precedeu o encerramento do Congresso. No primeiro, a secretaria de Beatificação apresentou a situação do processo do irmão Victor e depois o P. Joy Alumkal, Delegado dos Carmelitas Descalços Seculares da Província de Malabar, na Índia, compartilhou alguns detalhes sobre a atividade dos leigos em sua província.

Finalmente, o padre Miguel Márquez, Provincial da Província Ibérica, presidiu a cerimônia de encerramento do Congresso, o qual teve seu cume com a celebração da Eucaristia.

Faz se necessário notar que as discussões e conclusões geradas pelos 10 grupos de trabalho, também enriqueceram significativamente as contribuições do V Congresso Ibérico OCDS de 2016.

Enviado por: Claudio Diaz Mellado, OCDS.
SECRETÁRIO OCDS CHILE

Tradução: Marcia Andrade OCDS

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...